Smart Cities ou Smart People

Muito se fala hoje em dia em Smart Cities (Cidades inteligentes), termo surgido na década de 90 para designar novas políticas de planejamento urbano que emergiram com o avanço tecnológico para automatizar a gestão de serviços urbanos, pensando no bem estar da população.

São cidades mais sustentáveis, que focam os esforços tecnológicos em áreas chaves como: economia, mobilidade, pessoas, governança, meio ambiente e qualidade de vida da população, desenvolvimento econômico e preservação do meio ambiente.

Geralmente são cidades muito bem planejadas e administradas como Tóquio, Londres e Nova Iorque que lideram o ranking mundial.

Um estudo do Vouchercloud elencou os países mais inteligentes do mundo, de acordo com a quantidade de prêmios Nobel conquistados em cada local, escala de QI (Teste de Inteligência) e a taxa de escolaridade.

O Japão lidera a lista, seguido por Suíça e China.

Porém, segundo a união Europeia, Smart Cities são sistemas de pessoas interagindo e usando energia, materiais, serviços e financiamento para catalisar o desenvolvimento econômico e a melhoria da qualidade de vida.

Pessoas inteligentes são classificadas pelo QI (quoeficiente de inteligência) cuja média se encontra entre os 85 e os 114 pontos.

Pessoas com QI acima de 130 são consideradas superdotadas e costumam se destacar.

Por exemplo: Steve Jobs tem 140 pontos, Bill Gates 162 pontos e Albert Einstein 160 pontos.

Os macacos-rhesus são considerados primatas muito inteligentes que têm um QI de 180, valor superior a grandes figuras nacionais e internacionais.

Vivemos em um mundo de transformação tecnológica difícil de acompanhar, pois diariamente temos novidades.

Paralelamente temos o surgimento de pessoas muito inteligentes apresentando ideias fantásticas para os mais diversos e complexos tipos de dores, como são chamados os problemas na modernidade.

O avanço tecnológico juntamente com a pandemia aceleraram muitos processos que trouxeram à tona a validação e a facilidade de muitas ferramentas tecnológicas que possibilitaram a continuidade e ajustes de empresas, mas, o principal, uma maior possibilidade de conexão entre as pessoas em tempos de distanciamento.

Leia também: Cidades inteligentes.

Porém, mesmo pseudo conectados por meio de modernas tecnologias, essa situação mundial nos apresentou muitas desconexões, como: familiares, parentes e amigos e formas de trabalho.

Vivíamos em um ciclo vicioso e utilizávamos estruturas que hoje percebemos que não faz mais sentido, além de uma insana corrida sem fim por sei lá o quê, motivos sem justificativas plausíveis e sem destino certo, que, também, nos trouxe uma imensa e verdadeira reflexão da nossa fragilidade, dependência social e valorização da inteligência experiencial sem quoeficiente de medição, se contrapondo a inteligência artificial e nos ajustando ao modelo anormal que vivenciamos.

Nesse sentido, ressalto acima tendências generalizadas e seus conceitos que já impactam as indústrias, os comércios e os serviços de tal forma que os planejamentos, projetos e empreendimentos deverão ser revistos com muito maior frequência, pois já é notório que não dominamos esses ventos, mas podemos e devemos ajustar constantemente as velas do barco para chegarmos onde queremos.

Assim, precisamos abraçar as mudanças e redesenhar nosso futuro considerando as soft skills e a valorização do ser humano pelo próprio ser humano criando, produzindo e se beneficiando das novas tecnologias que serão as chaves para realinharmos nossas condutas e metas de forma equilibrada, sustentável e qualificada, afinal smart cities só é possível quando há smart people.

Daniel Rosenthal é corretor de imóveis, empreendedor global e Diretor Presidente do Instituto de Pesquisa e Planejamento de Piracicaba-SP

Homer é a maior e melhor rede de parcerias imobiliárias do Brasil. Exclusiva e gratuita para corretores de imóveis, a plataforma já conta com mais de 60 mil profissionais cadastrados. O ambiente perfeito para os corretores encontrarem clientes para seus imóveis ou imóveis para seus clientes. E, além de parcerias, também fornecemos capacitação e soluções de crédito para os corretores. Baixe agora nosso app e seja um corretor mais completo.